30.10.09

Receitas para uma vida feliz

Regina  Brett, uma respeitável jornalista americana de 53 anos de idade (e não 90 como mostram vários sites na internet), publicou recentemente no jornal The Plain Dealer de Ohio, onde tem sua coluna, uma lista de 45 medidas para se ter uma vida feliz. Todas as dicas são simples e essenciais, vou mencionar e comentar apenas algumas que falam mais diretamente ao meu coração, mas vale a pena ler todas elas aqui.



Receitas para uma vida feliz:


1. A vida não é justa, mas não deixa de ser boa. ( Se ela fosse sempre justa pra você, seria injusta para muitos a sua volta, não é mesmo? Portanto, seja menos egocêntrico e aceite que nem sempre é a sua vez. )
 

3. A vida é muito curta para se perder tempo odiando alguém. ( Nossa, e como! Odiar alguém é trazê-lo para dentro de sua vida e de seu pensamento o tempo todo, será que ele merece todo esse ibope? Vale mais apena apagar sua existência de sua mente, você vai perceber que é mais fácil do que pensava, algumas pessoas são realmente insignificantes.)
 

5. Pague suas dívidas no cartão todos os meses. ( Se não quiser ficar endividado até o pescoço! Dica prática, simples, mas super importante!)
 

6. Você não precisa sair ganhando em todas as discussões. Concorde em discordar. ( Aprendi isso depois de muito sofrer, nem sempre vale a pena provar que o seu ponto de vista está correto, as vezes o desgaste é tão grande que não vale a pena, o tempo mostra - dica nº 30 )
 

8. Não tem problema ficar bravo com Deus. Ele aguenta. ( Quantas vezes nos revoltamos contra Ele quando vemos injustiças, crimes hediondos, maldades contra crianças, dizem que Ele tem um motivo, uma razão, não entendemos muitas vezes e ficamos chateados de qualquer forma. Bom saber que ele aguenta! Isso alivia um pouco minha consciência.)
 

12. Não tem problema em deixar seus filhos verem você chorar. ( Eu, pelo menos, fico muito sem jeito em chorar na frente dos meus, mas acho que talvez a Regina tenha razão, as crianças precisam saber que a vida não é um conto de fadas, tem adulto que ainda não aprendeu isso, quanto mais cedo, menor o trauma. Mas ainda acho que esse tipo de coisa precisa ser muito bem dosada, nem tudo deve transparecer para a criança. )
 

13. Não compare sua vida com outras. Você não tem noção da jornada que elas são. ( Cada um com sua cruz, como dizem por aí, a grama do vizinho parece sempre mais verde,  mas preste bem atenção porque a grama dele pode ser sintética. As vezes, aquele que parece ter uma vida muito fácil e cheia de regalias enfrenta muito mais problemas e dores do que os mais humildes, menos abastados. )
 

15. Tudo pode mudar num piscar de olhos. Mas não se preocupe, Deus nunca pisca. ( Essa é perfeita. "Deus nunca pisca" , ah , não pisca mesmo! Nada Lhe escapa além de Ele ter um HD de capacidade infinita! Se cuida! Uma hora Ele resolve colocar seu video no You tube do Universo!)
 

16. Respire fundo, que esfria a cabeça. ( Esfria mesmo, aprendi a não tomar decisões de cabeça quente, a não falar nada no calor da raiva, sempre me arrependia depois. Agora, costumo me policiar pra para, respirar fundo e me acalmar antes de agir precipitadamente e entrar num caminho que pode não ter volta. )
 

17. Descarte tudo que não seja útil, lindo ou levante o astral. ( Nada de bagulho nas gavetas, roupas velhas, objetos quebrados e pessoas que te colocam pra baixo ou te invejam. xô, encosto! Limpar a alma faz um bem...)
 

21. Acenda as velas, use o melhor lençol, use aquela lingerie de luxo. Não guarde para uma ocasião especial. Hoje é especial. ( Adoro colocar uma lingerie nova no meio da semana, num dia comum, fazer uma surpresa bem gostosa em plena segunda-feira, hummm...nada como tornar um dia comum em um dia inesquecível. )
 

25. Ninguém é responsável pela sua felicidade, só você mesmo. ( Também adoro essa. Ninguém é responsável por nenhum  de seus sentimentos, na verdade, nem por sua felicidade, nem por sua tristeza, raiva ou angustia. É claro que há momentos em que não podemos evitar a dor e as lágrimas, mas há muitos outros em que permitimos que outros nos tirem o bom humor e a paciência. Não permito mais. )
 

26. Debaixo de cada desastre coloque a seguinte legenda: ´Daqui a cinco anos isto ainda terá importância? ( Você não acha que as vezes fazemos uma tempestade em um copo d'água? Quando o tempo passa e olhamos para trás, podemos perceber que aquele sofrimento todo era totalmente desnecessário.)
 

28. Perdoe tudo a todos. ( Exatamente pelos motivos nos numeros 3,17 e 25 - se você não os perdoar, eles vão te incomodar e tirar sua paz eternamente - muito crédito pra quem não merece...bah! )
 

29. O que os outros pensam de você não é da sua conta. ( O que importa é o que eu, pois é isso que Deus vê e como disse Mário Quintana - tá bem aqui na barra lateral do blog, do lado desse post, olhá só - "Não importa saber se a gente acredita em Deus: o importante é saber se Deus acredita na gente..." Se o restante da humanidade ou o meu vizinho também acredita, não é da minha conta mesmo! I don't give a shit! )


30. O tempo cura quase tudo. Dê tempo ao tempo. ( Tempo ao tempo, respire fundo, deixe que Deus se encarregue de cicatrizar seu coração e aliviar seu sofrimento. Algumas coisas a gente nunca esquece mesmo, mas a dor alivia bastante. )
 

37. Seus filhos só têm uma infância. ( Não perca nenhum momento dela, essa é a fase primordial da vida deles, se não for você a acompanhar a construção da fundação desse edifício, como poderá bater no peito de orgulho mais tarde e dizer: "Aquele é o meu filho!"?)
 

41. Inveja é perda de tempo. Você já tem tudo de que precisa. ( Tenho saúde, amor, uma família perfeita e linda, graças a Deus, uma profissão e muitos amigos, o que mais posso querer? )

( Regina Brett )



Para terminar, vou acrescentar o meu conselho:



Siga em paz e faça sempre o bem, não se importe se ninguém está vendo ou se você está sendo mal interpretado, a justiça será feita no momento mais oportuno. Aja de forma que sua consciência esteja sempre tranquila, sendo honesto consigo mesmo, você invariavelmente será honesto com os demais a sua volta. 
Kátia Ruivo



 

****


Para saber mais sobre a Regina Brett, esse é o site dela em inglês:  http://www.reginabrett.com/
Aqui o blog onde você pode ler mais artigos publicados em sua coluna:  http://www.cleveland.com/brett/blog/

36 comentários:

Fernanda Tardin disse...

Boa Tarde, Ana!
Linda a mensagem.
Destaco a frase: "Ninguém é responsável pela sua felicidade, só você mesmo."
Acabei de descobrir seu blog. Adorei! Já me tornei até seguidora.Parabéns pelo trabalho.
Bjs...

Mitti disse...

Muito lindo Katia

vc escreveu coisas que eu precisava mesmo ouvir, Estou sem forças para reagir.

bjinho

Desabafando disse...

Amei o texto e os conselhos...muito lindo mesmo! Repleto de verdades.

Dany disse...

É bom ler essas coisas boas em tempos de violência, falta de respeito ao próximo, inveja, etc...
Gostei da dica: Seus filhos só têm uma infância.

luluonthesky disse...

Bacanérrima a mensagem, já tinha lido antes.
Big Beijos

Dama de Cinzas disse...

Caraca, meteram 90 anos na mulher... ahahah... E eu já tinha lido essa lista e me perguntava se precisava chegar até 90 anos pra saber isso... rs

Muito bom os conselhos... Quem dera a gente pudesse seguir todos o tempo todo. Mas não dá... De qualquer maneira algum ítens, se seguido, já valem por cinco... rs

Beijocas

Bleeding Angel disse...

Sabe, esse item numero um me fez lembrar de uma frase q li esses dias e dizia: "Sei q a vida naum eh justa, mas sera q ao menos uma unik vez ela naum poderia ser injusta ao meu favor?" rsrsrs
Qnto ao item dois, sim, tem TODA RAZAUM, eu sinto mto odio de sentir odio, pq sei q o odio naum eh o oposto do amor, a indiferenca sim e ultimamente, tenho me sentido um ser completamente livre, pq consegui superar o odio q tava de uma pessoa amiga q anda me traindo, ela continua fzendo isso, mas agora qndo a vejo tudo o q consigo sentir eh... NADA. E naum falo pra fzer media naum, eh o q tah ocorrendo MSM! E isso me deixa mto, mto contente e orgulhoso de mim msm por ter superado isso. Pq eh taum pequeno, taum baixo... naum vale a pena.
E isso condiz tbm com o item 17, eh o q tenho feito, me afastando de tudo q me faz mal.
Agora, o item oito me acalmou, eu tenho estado meio revoltado com Deus sim e sinto uma certa culpa e temor por isso. rsrsrs
Soh uma coisa naum concordo, com o item 30. Naum eh o tempo q cura as feridas, mas sim o amor.
Bjos anjo e otimo final de semana.

Ariane Rodrigues disse...

Adorei! Precisava ouvir pelo menos metade! Abraços!

Pâmella disse...

Oi flor, passando pra dizer q estou dando um tempo no blog... Falta de tempo total!! Se quiser conversar comigo aí vao meu email:

eraumaveznostres@gmail.com

Beijossssssss

Raquel Machado disse...

Oi flor,
Otimas dicas...algumas delas mais duras todas reais...sabe as vezes a gente se estressa por tao pouco na vida não é???Amei de verdade...Ah se puder passa la no kriativa prestigiar a inauguração do contador de historias e da uma espiada na festinha tem presentes e brincadeiras. FELIZ DIA DAS BRUXAS!!!!
http://kriativa.zip.net
Bjos

Ivana Millán disse...

(Hein? Ana?)

Ótimos conselhos, acho mesmo que a vida pode ser mmuito mais fácil! Infelismente a maioria das pessoas prefere a polêmica e os conflitos, fazer o que!

Luiza disse...

Que legal esse post, não vou falar de cada item, todos eles fazem a gente refletir um pouco, mas resumindo, temos que nos preocupar com o nosso ser, o ser interior mesmo, tentar sempre dar o que é de melhor para nós mesmos, se dói, com o tempo passa, é maravilhoso não sentir ódio, é meio ruim brigar com Deus, já fiz bastante isso, mesmo sendo uma pessoa de bastante fé, mas como o resto da humanidade, tbm tenho lá meu pontinho de egoismo e quero q Ele me ajude na hora, mas agora ando mais de bem, olhop para trás e vejo que não era pra tanto, Ele aguenta sim e perdoa.
Enfim, amei, e achei lindo seu complemento, parabéns!!
Bjs com carinho

La Sorcière disse...

Quase chorei lendo o post, Kátia. Pq me identifiquei demais...essa história de odiar e perdoar é tão complicada....concordo totalmente, mas não consigo.

BJ

Lu Olhosde Mar disse...

mto bom, KAtinha!!

Anita "Menina-Flor" disse...

Incrível seu blog, andei dando uma fuxicadiinha rs, gostei demais, têm muitas reflexões que precisamos seguir. Em particular, gostei muito do seu conselho "Siga em paz e faça sempre o bem, não se importe se ninguém está vendo ou se você está sendo mal interpretado, a justiça será feita no momento mais oportuno. Aja de forma que sua consciência esteja sempre tranquila, sendo honesto consigo mesmo, você invariavelmente será honesto com os demais a sua volta."

Será que poderia colocá-lo no meu blog?

No mais, um ótimo fim de semana.

Bjs

Dona comadre disse...

Obrigada por sua visita, no meu blog...Apareca sempre por lá'. bjsss

Crica Fonseca disse...

Olá, Kátia!!!
Amei seu blog, é uma
delícia passar por aqui.
Seja sempre bem vinda ao
Botassaaltoagulha!!!
Beijo,
Crica

Batom e poesias disse...

Eu já tinha lido essa lista maravilhosa, mas é sempre bom lembrar, Kátia.

Adorei seu blog e o nome também. Já me disseram que escrevo costurando como uma colcha.

Sigamo-nos costurando juntas.
bjs
Rossana

Desabafando disse...

OI amiga...então mesmo tendo certa intimidade com meu primo não sinto coragem não de falar sobre o email...prefiro deixar quieto..rsrs bom feriado pra vc!

Misturação - Ana Karla Tenório disse...

Olá Kátia!
Concordo plenamente com todos os itens. Eles vieram num momento muito propício de reflexão.
Teu blog é muito fôfo, venho depois ler com mais calma.
Quanto ao verde é dia todo dia. rs
Xerossssss

Ivana Millán disse...

Respondendo ao La Capu:

As "favas" são salgadas.. como amendoim salgadinho, sabe? o gosto é divinoooooo!!!
Quando eu for ao Brasil levo pra vcs provarem ;)

Liciane disse...

Adorei esse post!!!!!
Ótimos conselhos!!!
Até vou copiar pra ler mais vezes...

Não é tão difícil levar uma vida tranquila, nós é que complicamos.

Beijos amiga e ótimo sábado!!!

Georgia disse...

Katia perfeito.

É isso mesmo a vida é curta demais, quando achamos que sabemos vemos que nada sabemos.

Um beijo

Carlos Pires disse...

Eu não sou religioso. Mas mesmo que fosse acharia que são demasiadas as referências a Deus. A felicidade depende de coisas mais mundanas.

Heloísa Vilela disse...

Eu não gosto de ver minha mãe chorar. Me sinto frágil sem poder fazer nada pra ajudar...

Babih Xavier disse...

o coselho que eu mais sigo é o nº16

mas todos são ótimos
mesmo eu naum tendo um cartão de crédito
*Chora Babih*

Blog do Mensageiro disse...

Olá, Kátia, gosto muito quando descubro blogs de essência, daqueles que falam em nome do coletivo pensando no bem comum. parabéns pelo espaço e pelas palavras, o seu toque pessoal às dicas ficou otimo!

Juliana disse...

Oi Kátia!!
Adorei o texto e ainda mais sua visão dele.
O que nos faz fracos não é o choro, não é o desespero numa hora de tempestade, nem ficar bravo de vez em quando, mas a falta de coragem de enfrentar nossos medos e angústias!
Adorei tudo, assim como tudo oq você escreve!
Beijinhosss
Ju e CLara

Larissa, Lara, Lalá, .... disse...

Eu ja' conhecia este texto e o que mais me chamou atencao foi o n. 21, sempre guardava uma roupa nova para uma ocasiao importante, uma louca bonita para um jantar especial, mas que nada tem que usar mesmo quando quiser sem esperar, `as vezes esperamos tanto e acaba estragando, quebrando, amarelando ..... Beijos

Renata Nogueira disse...

Kátia,
Grandes conselhos e ótimos comentários os seus!!!
Beijão

Pensando disse...

Todas, absolutamente todas estão certas. A autora tem 53 anos, uma velha, pra mim que tenho 52. rsrsrs.
Mas será que só os anos nos ensinam coisas tão óbvias? Já escrevi no meu blog que sou um homem feliz, por ter esposa, filhos, emprego, uma casa e pequenas coisas que dão conforto. Não preciso de mais nada. Tem gente que não acredita, e faz da vida uma busca incessante e infeliz de coisas que acha serem vitais. Convencer ou provar que certas coisas vão acontecer com filhos, por exemplo é difícil, mas chorar na frente deles resolve. É prova cabal de que você os ama e tem razão. (Queria saber quem foi o filho da puta que disse que homem não pode chorar). E realmente, o tempo passa muito rápido, e quando vemos já não conseguimos colocar a nossa "criança no colo", e aliás, ela nem quer mais. rsrs. Por isso curta a infância do seu filho, aquelas reuniões no colégio, as peças teatrais e demais atividades em que você possa participar. Quando eles forem embora, prá vida deles, você terá isso na lembrança e a eterna gratidão deles. Criticar os outros...puxa como é fácil. E não sabemos nada da vida dessas pessoas. Isso é uma estupidez. Depois ficamos preocupados com as críticas que possamos receber. Viva a sua vida e deixe os outros viverem a sua. A autora deve ter escrito algo à respeito, e talvez você tenha esquecido de relacionar: Amigos. Puxa, como são difíceis de achar. E quando os achamos, passam a ter uma importância vital na nossa vida. Essa talvez seja a grande riqueza que conseguimos na vida. E essa, com certeza, ninguém nos tira.
Bom feriado menina

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Penso que só a amor é capaz de justificar a vida.
Sem ele tudo perde o sentido, e a vida perde o sentido de ser vida.
Muito bonito seu blog.

Linda semana para ti.

Keeka disse...

eu amei, amei seus comentarios, (:

Leite disse...

ADOREI.
Acho que vou imprimir a lista completa e colar no eu guarda roupa, ao lado da minha lista de critérios. descobri que usar parametros definiveis e claros para guiar sua vida funciona e não esmaga a felicidade de ninguém.

Karla Gisele disse...

Oi Kátia! vi seus recados, já estão publicados e respondidos. Obrigada pelos elogios. Eu fiquei fã do seu blog, já te linkei nos meus. Virei sempre por aqui agora. Bjus e boa semana.

Lulú disse...

Adorei Kátia, é tudo o que penso mas falta persistencia para colocar em prática alguns conselhos. Gostei muito de seu blog e voltarei sempre que possível, para vitá-lo.
Abraço.